Foxconn oferece US$ 5;3 bilhões para ter o controle da Sharp - Link - Estadão