Sem Galaxy, Samsung dá espaço às rivais - Link - Estadão