Co-fundador do WhatsApp vê desafio no mercado dos EUA - Link - Estadão